Para ficar sempre na nossa memória, criamos este Blog com um resumo do que foi o intercâmbio em grupo de janeiro de 2019 para a Cidade do Cabo, na África do Sul.

De segunda à sexta, das 09h às 13h éramos estudantes da escola Cape Studies e em apenas 2 semanas de curso conseguimos aprimorar o nosso inglês! O grupo foi dividido entre as turmas correspondentes ao nível de cada um. Na escola tinha estudantes do mundo inteiro, aprendemos bastante sobre outras culturas conversando com eles nos intervalos das aulas e sobre a cultura local na sala de aula com os professores.

 

Após as aulas, a partir das 13h, comeava a nossa vida de turista!

No primeiro dia almoçamos comida típica africana em Waterfront, no Food Market, fizemos o City Tour no ônibus da Citysightseeing e visitamos a Table Mountain, montanha em forma de mesa de 1,08 km de altura que domina a paisagem da Cidade do Cabo. A vista é realmente impressionante e a sensação é indescritível.

V&A Food Market:

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Table Mountain:

 

 

Este slideshow necessita de JavaScript.

Depois de descer da Table Mountain, continuamos o City Tour, passando pelo centro da cidade, pelas praias de Camps Bay e Clifton, pelo bairro de Sea Point e terminamos em Waterfront.

 

Waterfront:

 

No segundo dia fizemos o tour pela Península do Cabo, rodeando a montanha Devil’s Peak com paisagens maravilhosas, passando pela baia de Hout Bay e pelo assentamento de Imizamo Yethu. Finalizamos o dia fazendo um piquenique no topo da montanha Signal Hill para ver o pôr do sol (um dos mais lindos que já vimos!).

Signal Hill:

 

No terceiro dia visitamos o Jardim Botânico de Kristenbosch, que possui mais de 8.000 espécies de plantas diferentes. Ficamos impressionados com a estrutura e o cuidado do parque. Parecia que estávamos num cenário do filme Jurassic Park.

Kristenbosch:

 

 

 

 

 

 

 

E o jantar desse dia foi muito especial. Provamos 12 pratos da culinária local de vários países da África: Egito, Camarões, Zanzibar, Tanzania, Namíbia, Etiópia, Argélia, Marrocos, Tunísia e claro, África do Sul.  Ao mesmo tempo, durante o jantar, assistíamos espetáculos de danças de tribos sul-africanas que passavam na nossa mesa. A comida estava deliciosa e as danças foram lindas (alguns do grupo até se animaram a dançar junto!).

 

 

Aproveitamos o sábado sem aulas para viajar até o Parque Nacional de Cape Península, onde visitamos o Cabo de Boa Esperança (o ponto mais ao sudoeste do continente africano), e o Cape Point. Almoçamos no restaurante Two Oceans com uma vista incrível do mar e das montanhas. Paramos também em vários mirantes que encontramos antes de entrar no Parque Nacional e dentro do próprio parque.

Cape Peninsula National Park:

Este slideshow necessita de JavaScript.

 

Depois de visitar o Cabo de Boa Esperança e o Cape Point, passamos na Boulders Beach, onde se encontra uma das maiores colônias de pinguins do mundo. É realmente impressionante ver pinguins na praia em pleno verão!

Boulders Beach:

 

 

 

 

 

 

 

 

No domingo viajamos novamente para fora da Cidade do Cabo, dessa vez para a cidade de Stellenbosch, famosa pelas mais de 150 vinícolas e por ter a maior rota de vinho do país. Fizemos uma degustação de vinhos numa das melhores vinícolas da região e almoçamos no restaurante da própria vinícola. Aproveitamos também para comprar alguns vinhos que provamos na degustação e para passear pelos vinhedos.

Stellenbosch:

Este slideshow necessita de JavaScript.

Começamos a segunda semana! Depois das aulas fomos visitar o parque Company Garden, almoçamos dentro do parque num restaurante que nos surpreendeu a todos e depois visitamos o bairro malaio de Bo Kaap, famoso pelas casas coloridas.

Bo-Kaap:

 

No segundo dia da semana os corajosos viajaram para Gansbaai em busca do tubarão branco! É uma experiência única entrar na gaiola e ver os tubarões na sua frente. Alta dose de adrenalina e um pouco de medo também…

Gansbaai:

 

Nos seguintes dias caminhamos pelo centro histórico em busca de artesanato local, visitamos o Museu Nacional, o Museu District Six e na sexta-feira foi a esperada entrega de diplomas!

 

 

Este slideshow necessita de JavaScript.

 

E finalmente a entrega de diplomas!

 

Depois do dever cumprido, estávamos todos ansiosos para viajar no dia seguinte pois chegou a hora do Safari!

Este slideshow necessita de JavaScript.

Uma das melhores partes do Safari foi quando um avestruz parou na nossa frente e começou fazer a dança do acasalamento, que é a maneira do macho chamar a atenção da fêmea. Não sei quem de nós foi confundido com uma fêmea de avestruz, mas valeu! A avestruz é a única ave que tem 2 dedos em cada pata e pode correr a uma velocidade de 70km/h!

 

Nos impressionou também a estrutura do lugar. Entre safari e safari conseguimos relaxar nas instalações da reserva e ficamos bem à vontade!

 

Finalizamos a viagem sem saber qual é a atração que mais gostamos! Alguns gostaram mais da Table Mountain, outros do Safari, outros da experiência na gaiola dos tubarões, outros da beleza do Cabo de Boa Esperança… Enfim, voltamos para o Brasil com as energias renovadas, com mais uma experiência de vida e felizes por ter formado parte deste grupo maravilhoso.

 

Intercâmbio em grupo - Janeiro 2019 - África do Sul - Hola Intercâmbio & Cultura