5th março 2021 por Skyscanner

Você deve estar sonhando com sua próxima viagem, mas ainda tem muitas perguntas em relação ao Covid-19 e às viagens, certo? Para ajudar, respondemos algumas das perguntas mais frequentes sobre o novo coronavírus e sobre viajar na pandemia. É importante que você tenha todas as informações necessárias para tomar as decisões certas.

Perguntas mais frequentes sobre coronavírus (Covid-19)

Viajar na pandemia

Viajar ou não viajar na pandemia: eis a questão. Compartilhamos aqui dicas práticas sobre viagens durante o Covid-19, os riscos de viajar agora e os cuidados ao viajar durante a pandemia.

Pode viajar na pandemia?

A indicação do Ministério da Saúde é que viagens, especialmente internacionais, sejam evitadas durante a pandemia. Ainda que a vacinação tenha começado, devemos estar conscientes de que a pandemia está atualmente em seu momento mais crítico e que muitas pessoas se contaminam e seguem contaminando outras diariamente, mesmo sendo assintomáticas.

E, por exemplo, um idoso pode viajar na pandemia? Tenha em mente que fazer uma viagem durante a pandemia já é arriscado, portanto, pessoas que fazem parte do grupo de risco devem redobrar os cuidados ao viajar.

Pessoa sentada em uma poltrona usando todas as proteções recomendadas pela OMS

Preciso viajar na pandemia: o que fazer?

Se você precisa viajar a trabalho durante a pandemia ou por algum motivo pessoal, você vai estar exposto. Portanto, respeite as regras específicas de cada destino e as medidas de proteção básicas.

Segundo a Organização Mundial da Saúde, os principais cuidados ao viajar na pandemia devem ser higienizar frequentemente as mãos com sabão e água, usar álcool em gel (higienize suas mãos e quaisquer utensílios sempre que achar necessário), evitar tocar olhos, boca e nariz, usar máscara de proteção facial sempre (tente não tocá-la também) e manter distanciamento social. É importante também evitar o compartilhamento de utensílios pessoais.

Conversas frente a frente são as principais responsáveis pela transmissão do vírus em lugares fechados. Superfícies como balcões, cadeiras, poltronas, portas, maçanetas, pias e torneiras também são fontes de contágio. Por isso, tenha muito cuidado com a higiene em ambientes compartilhados.

Você pode conferir nosso passo a passo para viajar com segurança nos aeroportos durante a pandemia e nosso guia sobre o uso de máscaras no avião.

Quando o coronavírus vai acabar no Brasil?

A pandemia no Brasil continua a apresentar números alarmantes, sendo muito difícil determinar quando será efetivamente controlada. Segundo Carissa Etienne, diretora da OPAS, mesmo com a vacinação, não poderemos voltar ao normal de imediato: “Vacinar a população mundial vai levar um tempo”, afirma.

A vacinação no Brasil começou em janeiro e a esperança é que, conforme mais pessoas se vacinem, menores sejam os índices de contaminação. Respeitar as regras de quarentena também é imprescindível para o controle da pandemia.

Inspiração

Sabemos que viajar é difícil agora, mas além de trazer informações importantes sobre viagens em tempos de Covid-19, queremos inspirar você a planejar viagens com segurança e flexibilidade.

Como o coronavírus (Covid-19) mudou as atitudes das pessoas em relação a viagens?

Realizamos uma pesquisa com viajantes e descobrimos que dois terços dos viajantes (65%) disseram que “querem usar melhor seu tempo para viajar” e 80% são “mais propensos a viajar para o destino de seus sonhos” depois que as restrições de viagens forem suspensas.

Embora os números gerais de buscas permaneçam baixos em comparação a 2019, nossos dados mostram sinais positivos em relação a viagens. A segurança ainda é, claro, primordial, por isso encorajamos os viajantes a usarem o Skyscanner para acessar os melhores conselhos de viagem de acordo com essas novas diretrizes.”Jo McClintock, Diretora de Marketing Global do Skyscanner

Para onde viajar na pandemia?

No momento, não há lugares seguros para viajar na pandemia. O mais seguro é respeitar a quarentena e viajar o mínimo possível. Se você precisar sair, a sugestão é viajar de carropara destinos nacionaispróximos da sua cidade de origem e onde não haja aglomerações.

Dê preferência para rotas de carro pelo Brasilescapadas de final de semana e destinos staycation, por exemplo. Se quiser planejar viagens para as férias depois da quarentena, confira os melhores resorts do Nordeste ou, então, os melhores hotéis de praia no Brasil.

Importante: sempre verifique as diretrizes do governo e restrições de viagem antes de fazer sua reserva.

Quando poderemos viajar para o exterior de novo?

Vários voos internacionais haviam sido retomados, mas a situação do COVID-19 se agravou no mundo todo e diversas companhias aéreas se viram obrigadas a voltar atrás em função das restrições de viagem impostas pelos países.

Para saber quando será possível fazer uma viagem internacional com segurança, o indicado é conferir as últimas notícias em nossa página sobre coronavírus e viagens e acompanhar quais países estão abertos para brasileiros no mapa com restrições de viagens por país.

Segundo a OMS e o Ministério da Saúde, viajar agora é assumir um risco. Se decidir viajar, não deixe de ler nosso guia sobre como escolher um seguro de viagem durante o Covid-19, pois é essencial estar assegurado nesse momento.

Mapa mundial mostrando onde há restrições leves, moderadas ou fortes em razão da Covid-19.

Quando vou poder viajar para os Estados Unidos de novo?

Os Estados Unidos é um dos destinos de viagem favoritos dos brasileiros: 2,1 milhões de brasileiros viajaram para lá em 2019. Embora a terra do Tio Sam ainda não esteja aberta para brasileiros, estamos monitorando quando poderemos viajar para os EUA novamente e avisaremos quando as fronteiras reabrirem e tão logo seja seguro viajar.

Posso fazer reservas flexíveis com o Skyscanner?

Sim. Nossas ferramentas de reserva de voos, hotéis e aluguel de carro foram adaptadas para garantir que você tenha a flexibilidade que o momento exige. Como as restrições de viagem estão sempre mudando devido à pandemia, desenvolvemos ferramentas de buscas tanto no app quanto no site do Skyscanner para ajudar você a encontrar viagens flexíveis e a reservar com segurança em apenas alguns cliques. Confira nosso guia com tudo o que você precisa saber sobre viagens flexíveis!

Ainda posso usar a ferramenta de buscas do Skyscanner para várias cidades?

Sim, você ainda pode buscar voos usando a ferramenta múltiplos destinos, o que facilita caso você queira planejar viagens para várias cidades ou países em tempos de coronavírus. Tenha em mente que ainda não é recomendável viajar, tanto em função dos riscos de viajar na pandemia quanto das alterações frequentes nas restrições, o que dificulta o planejamento do roteiro e pode significar uma quarentena inesperada no meio da viagem.

Como planejo uma viagem com múltiplos destinos em tempos de coronavírus?

Se normalmente já precisamos pensar em muitos detalhes ao programar férias para vários destinos, esse planejamento é ainda mais trabalhoso com o coronavírus afetando os planos de viagem. Felizmente, nosso guia para planejar uma viagem com múltiplos destinos em tempos de COVID-19 explica tudo o que você precisa saber antes de reservar.

Importante: sempre verifique as diretrizes do governo e restrições de viagem antes de concluir sua reserva.

Família protegida por máscaras no aeroporto indo viajar

Viagens de avião

Tudo o que você precisa saber sobre como viajar de avião na pandemia, desde como se manter seguro ao voar até as diretrizes de bagagem.

É seguro viajar de avião?

“O setor de viagens está sempre implementando e melhorando os padrões de higiene para manter os viajantes seguros e inspirar confiança. As companhias aéreas e os aeroportos introduziram muitas novas medidas para manter os viajantes seguros em suas viagens. Também é recomendado que você leve equipamento de proteção individual com você para reduzir os riscos associados ao voo durante o coronavírus (Covid-19).”Jon Thorne, Diretor de Satisfação do Usuário do Skyscanner

O quão limpo é o ar que você respira em um avião?

Em termos simples, o ar que você respira em um avião é quase certamente mais limpo do que o que você respiraria dentro de casa. Pode não ser tão puro quanto sair para a natureza, mas é melhor do que o ar presente em cafés, cinemas ou supermercados. Isso se deve aos eficientes sistemas de circulação de ar e aos filtros HEPA que são encontrados na maioria dos voos comerciais modernos.

O que significa filtro HEPA?

HEPA significa High Efficiency Particulate Air e é um tipo comum de filtro usado em aviões. O que esse filtro faz é essencialmente remover quaisquer impurezas do ar, não importando o quão pequeno seja, o que inclui os minúsculos mícrons de Covid-19. Na verdade, segundo uma pesquisa da NASA, os filtros HEPA removem impurezas desse tamanho com uma eficiência de 99,97%. Confira como funcionam os filtros de ar e a limpeza de aeronaves e viaje com mais tranquilidade.

Assento de avião sendo higienizado

Quais máscaras são aceitas em viagens de avião?

As máscaras se tornaram item obrigatório durante qualquer deslocamento, mas as regras sobre qual máscara usar em viagem de avião variam de acordo com cada companhia aérea.

Nas companhias brasileiras – Azul, Gol e Latam –, por exemplo, não são mais aceitas máscaras com válvula, mas não há restrição para outros modelos. Já na Lufthansa, empresa alemã, são aceitas somente máscaras padrão PFF2, KN95 e N95 ou máscaras hospitalares (cirúrgicas). Máscaras de pano, como essas vistas com frequência no Brasil, não são permitidas.

Portanto, antes de viajar, confira com a companhia aérea qual o tipo de máscara permitida durante o voo.

As regras de bagagem mudaram durante a pandemia?

As diretrizes de bagagem não mudaram muito desde o início da pandemia. O tamanho e o número de malas que você pode levar com você permanecem os mesmos. No entanto, a maioria das companhias aéreas recomenda que os passageiros façam o check-in de todas as bagagens para manter o máximo de higiene a bordo.

Se você não tiver certeza de quais são as regras e restrições, consulte nosso guia de bagagem despachada e de mão e nossas recomendações sobre o que pode e o que não pode ser levado na bagagem de mão.

Caso tenha dúvidas, acesse a página sobre bagagem no site da companhia aérea com a qual você está viajando. Se houver quaisquer alterações, esse será o primeiro lugar que terá as informações atualizadas.

Quais são as regras de quarentena para voos nacionais e internacionais?

Não há nenhuma recomendação oficial em relação à quarentena após voos domésticos. Já para passageiros vindos do exterior (brasileiros ou estrangeiros), é sugerido auto isolamento por 7 dias a contar da data de chegada no Brasil, e é obrigatório apresentar um teste PCR negativo para coronavírus feito até 72 horas antes da viagem.

Para brasileiros que queiram viajar para o exterior, é válido ressaltar que vários países exigem quarentena mínima de 14 dias. Confira mais informações no nosso mapa com as restrições de viagens e verifique as diretrizes do governo local antes de decidir para onde viajar.

Homem olhando pela janela para diferentes pontos turísticos durante a quarentena em um hotel.

Preciso de um teste de Covid-19 para viajar?

Depende do destino para onde você está viajando*. Alguns países, como México e República Dominicana, não exigem o teste PCR para entrada no país, mas você precisa preencher um formulário de saúde antes de embarcar.

Você confere quais países estão abertos para brasileiros e quais as restrições de viagem atualizadas no nosso mapa interativo com as restrições de viagem.

*Atenção: passageiros vindos do exterior (brasileiros ou estrangeiros) que desembarcam no Brasil devem apresentar um teste PCR negativo para coronavírus feito até 72 horas antes da viagem.

Preciso de um teste de Covid-19 para viajar dentro do Brasil?

Nesse momento, o único destino que exige teste para permitir a entrada é Fernando de Noronha. O exame precisa ser feito até 48h antes e o resultado negativo deve ser mostrado na hora do embarque. Ao chegar, uma cópia do laudo deve ser deixada no aeroporto do arquipélago.

Em fevereiro, o Ministério Público Federal entrou com uma ação na Justiça para obrigar que o teste PCR com resultado negativo para Covid-19, emitido até 72h antes, também seja exigido pelas companhias aéreas nos voos domésticos. Por enquanto, nada foi decidido.

Onde fazer o teste PCR para COVID-19 antes de viajar?

Nas grandes cidades do Brasil é possível encontrar diferentes laboratórios que oferecem esse serviço. Como o exame PCR para diagnóstico de Covid-19 tem sido cada vez mais solicitado para viajar, os dois principais aeroportos internacionais do Brasil agora contam com laboratórios que fazem o teste.

No Aeroporto de São Paulo (Guarulhos), o CR Laboratórios, localizado em frente à área de embarque do Terminal 3, faz o teste e emite o resultado em 4h (envia por SMS e entrega pessoalmente); custa R$ 350.

No Aeroporto do Rio de Janeiro (Galeão), uma unidade de laboratório do Hospital Albert Einstein, localizado no piso de desembarque do Terminal 2, realiza testes com entrega de resultado em até 48h (através de aplicativo ou de forma presencial); custa R$ 350.

Como será o futuro das viagens de avião?

“Em suas futuras das viagens de avião, espere mais medidas de segurança eletrônica no aeroporto, como câmeras com sensor infravermelho e medição de temperatura para evitar a propagação de doenças. Considere baixar aplicativos para garantir que você não precise transportar documentos em papel (principalmente ao fazer check-in, passar pela segurança, passar pelo embarque e confirmar o hotel). Além disso, tente levar a maior parte da sua moeda estrangeira em formato eletrônico. Cartões multimoeda com carteiras eletrônicas podem evitar taxas bancárias internacionais e efetuar pagamentos sem contato com notas e moedas.”Dave Thomson, Gerente da equipe de Design no Skyscanner

Covid-19 e viagens canceladas

Inúmeras viagens foram alteradas por causa da pandemia e as companhias aéreas tiveram que se adaptar ao grande número de cancelamentos e remarcações de voos. Saiba o que fazer caso o seu voo seja cancelado e conheça também os seus direitos.

Estou pensando em cancelar meu voo. Quais são as minhas opções?

Se você tiver voos reservados que ainda não foram cancelados, em vez de pagar para remarcá-los, pode valer a pena esperar para ver se os voos serão cancelados mais perto da data da viagem, para que a alteração em sua reserva ou reembolso não seja cobrado.

Para cancelamentos voluntários, geralmente há taxas envolvidas, tanto de companhias aéreas quanto de agências de viagens. As especificidades você confere nas políticas de cancelamento e reembolso das companhias aéreas.

Como sei se a companhia aérea cancelou meu voo?

Você pode encontrar as últimas notícias e atualizações de viagens nos sites das companhias aéreas ou consultar a International Air Travel Association (IATA) para obter informações específicas sobre rotas, políticas atuais de cancelamento, nova reserva ou reembolso.

Bagagens sendo higienizadas contra o Covid-19

A companhia aérea cancelou meu voo. O que devo fazer?

Algumas companhias aéreas oferecem como política de cancelamento um voucher para viagens futuras, a remarcação sem taxas para uma data posterior, ou, então, o reembolso. Fique por dentro dos direitos dos passageiros em caso de voos cancelados ou atrasados e verifique com a companhia aérea ou o agente de viagens as suas opções.

Quero tentar o reembolso. O que devo fazer?

Atualmente, os call centers e as equipes de suporte online estão recebendo mais reclamações do que o habitual. Algumas companhias aéreas responderam a esses desafios instituindo políticas específicas para Covid-19 e aumentando os prazos para que os viajantes reivindiquem e recebam reembolsos.

Verifique o site da sua companhia aérea para obter detalhes. Se você estiver tentando ligar ou usar um bate-papo ao vivo para discutir opções de reembolso, seja persistente e tenha em mente que o tempo de espera será muito maior do que o normal.

Reservei com o Skyscanner. Com quem devo entrar em contato para cancelar ou fazer alterações?

O Skyscanner é apenas uma ferramenta de busca, não lida com reservas ou pagamentos. Direcionamos você a sites parceiros – agências de viagens, companhias aéreas, hotéis e empresas de aluguel de carros – com os quais você pode reservar através do nosso site e aplicativo. Portanto, para cancelar ou fazer alterações em sua viagem, entre em contato diretamente com a linha aérea, hotel, locadora de carros ou agência de viagem com a qual você fez a reserva.

Quais proteções existem para as reservas feitas daqui para frente?

“Muitas companhias desenvolveram políticas de reserva flexíveis para viagens futuras. Ao pesquisar voos no Skyscanner, você pode ajustar sua pesquisa para mostrar apenas reservas flexíveis e identificar as tarifas com políticas de reserva diferenciadas pelo ícone de “bilhetes flexíveis” nos resultados das buscas por voos.

seguro de viagem é mais importante do que nunca, por isso é aconselhável garantir que a apólice em vigor proteja você durante a viagem que pretende reservar.

Também é aconselhável verificar todos os acordos consulares e de repatriação entre seu país de origem e o país que deseja visitar. Em alguns casos, os países podem não ter medidas oficiais em vigor para garantir que você possa retornar rapidamente do seu local de viagem em caso de emergência.”
Martin Nolan, Diretor Sênior de Assuntos Jurídicos, Públicos e Regulatórios do Skyscanner

Viajante com máscara no Coliseu, em Roma
Fonte: https://www.skyscanner.com.br/noticias/perguntas-e-respostas-coronavirus-e-viagens